Ausente mas Presente ...


Bem… Hoje enquanto saíste de casa, para tomar conta das tuas necessidades estéticas e afins, decidi sentar-me nesta cadeira e fechar a luz do quarto, assim o ambiente torna-se melhor para a escrita, não é que tencione fazer um grande testamento nem muito menos um lindo texto de amor o importante é que de todas as frases que aqui escrevo te mentalizes em uma ou duas…
…Eu Amo-te e Quero-te.
Acho que o que me levou a escrever isto foi a certeza de tudo aquilo que nos torna o que somos um para o outro… e assim sei que quando chegares e leres isto vais saber que durante estas horas que estiveste ausente eu pensei em ti, como vês até quando sais, mesmo que por uns momentos, esses momentos são inteiramente direccionados ao teu ser…
Cada momento na minha cabeça tem o teu nome assim como cada momento do meu tempo…
Eu sei, parece doentio mas esta é uma daquelas doenças que eu não me quero curar e vou gozar ao morrer por ela.
Sem mais nada de momento te aguardo…

PS: No fundo tenho pena que estas horas em que foste tratar de ti não tenham válido de nada já que quando chegares o mais provável é eu te despentear toda…

1 comentário:

Juky disse...

Foi das coisas mais giras que já li! É uma sortuda essa rapariga!! :)